Quem Somos

A SOS Sertão é uma ONG fundada no ano de 2000 na cidade de Patos, sertão da Paraíba, seu propósito nasceu da preocupação com o futuro incerto da Fauna Silvestre da Caatinga.

A captura de Animais Silvestres para o tráfico, o desmatamento e o pouco número de áreas protegidas no bioma sempre foram as três grandes preocupações tratadas pela a Instituição.

A SOS Sertão adota como princípios a conciliação entre o desenvolvimento sustentável e a conservação da natureza; o respeito aos interesses das populações tradicionais, tendo como objetivos principais o apoio a comunidades rurais e a conservação do meio ambiente .

Até o ano de 2003 a SOS SERTÃO manteve-se focada em combater o tráfico através de denúncias e apoio a operações de repressão, foi então que, com a realização da Campanha Paraibana de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres que a ONG chegou a conclusão que era preciso envolver toda a sociedade para combater o problema.

Iniciando a assistência técnica junto a agricultores familiares começou então um forte trabalho de conscientização que resultou em 2005 na conquista do 10° premio Ford Motor de Conservação Ambiental, destacando a importância do PROJETO MATINHA que mostrou ser possível combater o tráfico de uma forma diferente.

As dificuldades no início foram muitas, mas os obstáculos pouco a pouco foram ultrapassados, hoje o portfólio institucional da SOS SERTÃO mostra que é possível transformar ideias bem planejadas em ações de sucesso.

Trabalhar com preservação na Caatinga sempre foi um desafio para todas as instituições públicas e privadas. A falta de conscientização dos próprios moradores que ainda vivem sob uma crise de percepção em relação a diversidade biológica que o bioma detém, e a falta de políticas específicas para conter o desmatamento e vários outros problemas, aumentam ainda mais o desafio de preservar este patrimônio exclusivamente brasileiro.

A busca por crescimento econômico e o aumento da população vai exigir cada vez mais que atividades de conservação e preservação ambiental sejam prioridade para o poder público e a sociedade civil, neste contexto a proposta da SOS SERTÃO é trabalhar com projetos específicos que possam combater problemas específicos e que tenham resultados a curto e médio prazo.

Fazer com que aqueles que vivem e sobrevivem da Caatinga entendam a necessidade de se aplicar novas técnicas e ações que possam tanto preservar como conservar esta importante região é o grande desafio institucional da SOS SERTÃO.

Mais nesta categoria: RPPN »

Fique por dentro das últimas informações sobre a SoS Sertão assinado o Boletim Informativo.

Publicações

Perguntas e Respostas sobre RPPN

Perguntas e Respostas sobre Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPN).

Caminho das Pedras

Caminho das Pedras: Manual de acesso às fontes de recursos públicos nacionais para proprietários de RPPN